Facebook Flickr Youtube Contato
Pular para o conteúdo
Voltar

Câmara homenageia Atirador Destaque do Tiro do Guerra

Ricardo Firmo dos Santos recebeu diploma de reconhecimento durante a 40ª Sessão Ordinária

 

A Câmara Municipal de Bragança Paulista realizou nesta terça-feira (7/11), a 40ª Sessão Ordinária do ano e concedeu Diploma Atirador Destaque do Ano ao jovem Ricardo Firmo dos Santos em reconhecimento ao destaque nas atividades realizadas no Tiro de Guerra 02-009 e ações junto à comunidade bragantina. A solenidade de entrega contou com a participação do secretário Municipal de Segurança e Defesa Civil, Dorival Francisco Bertin, representando o prefeito Jesus Chedid, do delegado do Serviço Militar, 1º tenente Fabiano Araújo Rosa, do chefe de Instrução do Tiro de Guerra 02-009, subtenente Rodrigo Machado Cândido, e Carlos Alberto Splendore, representando o deputado estadual Edmir Chedid.

 

Ricardo Firmo dos Santos agradeceu a homenagem e dedicou o reconhecimento aos instrutores e atiradores do Comando e familiares. "A partir do momento que recebi a notícia de que seria indicado, cheguei à conclusão de que a camaradagem, o espírito de corpo e as atividades extras foram essenciais para tornar este ano único e ímpar. Somamos lições e aprendizados e todos se empenharam para o cumprimento dos deveres", destacou o jovem.

 

A presidente Beth Chedid agradeceu a presença dos familiares e autoridades que prestigiaram a solenidade e enalteceu as ações do homenageado. "Entregar o diploma de Atirador Destaque do Ano ao jovem Ricardo é orgulho para todos os vereadores da Câmara Municipal e para a população bragantina."

 

Na ordem do dia, os vereadores aprovaram em turno único três projetos de lei que versam sobre a denominação de bens públicos e a moção 63/17, que propõe a criação do Programa Municipal de Primeiro Emprego. O projeto de lei 42/17, de autoria do vereador Tião do Fórum, que estabelece a obrigatoriedade do uso de identificação por agentes de segurança privada, foi aprovado em 1º turno.

 

Os projetos de lei 45/17, 47/17 e 51/17, foram aprovados em turno único por unanimidade. As matérias que seguem para sanção do Executivo denominam o campo de futebol do Jardim Morumbi como Estádio Municipal Júlio Caetano Pinto, o campo da Penha como Estádio Municipal Ademir Antônio Aranzana e Estádio Municipal da Vila Garcia como Estádio Municipal Sr. Nelson Russo.

 

Autor de dois dos projetos de lei, o vereador João Carlos Carvalho justificou a importância das denominações. "Pesquisei o nome de pessoas que militaram no movimento esportivo e são de grande relevância para o futebol amador de Bragança Paulista. Os campos que passam a ser denominados como estádios são praças esportivas que dispõem de estrutura e, portanto, merecem serem chamadas de estádios", explicou.

 

A moção 63/17, de autoria do vereador Claudio Moreno, que requer do Executivo estudos para o envio a Casa de projeto de lei para a implementação do Programa Municipal de Estímulo ao Primeiro Emprego aos Jovens a partir de 16 anos, foi aprovada por unanimidade.

 

O projeto de lei 42/17, de autoria do vereador Tião do Fórum, foi aprovado em 1º turno e encerrou a ordem do dia. "A matéria propõe a obrigatoriedade de utilização de crachás ou outro tipo de identificação nominal para seguranças de casas noturnas, bares e eventos particulares no município, que às vezes abordam o cidadão de forma inadequada, e com a identificação torna mais fácil o registro de ocorrências na delegacia", explicou o vereador Tião do Fórum.

 

Tribuna Livre

 

Na Tribuna Livre o pastor Armando César Cândido da Silva falou sobre os 500 anos da Reforma Protestante e a importância do movimento para a formação do Estado Brasileiro. O religioso ocupou a tribuna a convite do vereador Natanael Ananias, que lembrou a discussão recente sobre o assunto na Casa e ponderou que a participação é um complemento ao que fora falado na ocasião.

 

"A Reforma Protestante não ficou apenas no âmbito religioso, como também influenciou o pensamento filosófico e sociológico da época. A Constituição Federal que rege nosso país e a livre iniciativa é fruto da reforma protestante e do pensamento de João Calvino, que tratou sobre a liberdade das pessoas e possibilidade de acesso aos bens", discursou o pastor Armando, que posicionou a Igreja Batista como defensora do Estado Laico.

 

A segunda participação do dia foi da psicóloga Rosana Melli, da Associação Beneficente São Lucas, que veio à tribuna a convite da vereadora Rita Leme para falar sobre os 20 anos de atividade da associação no município. Rosana agradeceu o apoio dos voluntários, funcionários, pais de alunos e a Administração Municipal para a manutenção da entidade, e defendeu a inclusão dos portadores de deficiências.

 

"A Associação Beneficente São Lucas é pioneira na defesa da ideia de que o lugar da criança com deficiência é na escola regular do seu bairro. As crianças portadoras de deficiência não podem estar segregadas em outros espaços ou em casa. Valorizar a diferença é permitir a convivência e possibilidade de aprendizado entre todos", completou.

A Câmara Municipal de Bragança Paulista realiza a 41ª Sessão Ordinária do ano na próxima terça-feira (14/11), às 16h, no Plenário da Casa. A sessão pode ser acompanhada pela internet, no endereço http://www.camarabp.sp.gov.br, e pela TV Alesp (operadora NET).